Digitalização de gestão de obras públicas pela prefeitura de Florianópolis concorre a prêmio de boas práticas da UDESC.

 

Solução, desenvolvida com ajuda da Softplan, otimizou a administração de mais de R$ 300 milhões investidos em 145 execuções 

 

A digitalização da gestão de obras públicas promovida pela prefeitura de Florianópolis, com ajuda de um sistema desenvolvido pela Softplan, foi pré-selecionada para concorrer ao Prêmio de Boas Práticas em Gestão Pública da Escola Superior de Administração e Gerência (ESAG) da UDESC. O case da secretaria municipal de Infraestrutura foi inscrito na modalidade Gestão de Obras e Serviços Urbanos. 

 

A solução foi selecionada por conseguir otimizar – através de um sistema de gestão de obras, contratos, orçamentos e execução da obra – todos os pontos necessários na administração dos mais de R$ 300 milhões investidos em 145 execuções, realizadas com recursos de diversas instituições financeiras.  A gestão das obras começou o processo digital em 2014 e concluiu toda a integração em 2019.


Esta solução foi idealizada pelo secretário municipal de Infraestrutura da capital catarinense,  Valter José Gallina, e contou com o apoio da Softplan, desenvolvedora do software usado pela pasta e que originou a construção do case selecionada pela premiação.  

 

Antes da implantação da solução, os controles eram realizados de forma manual, com perda do histórico das informações, falhas no compartilhamento de documentos, e conhecimento perdido por falta de registros e atualizações. 

 

Com o uso da solução, todas as fiscalizações podem ser feitas pelo celular, mesmo sem acesso à internet, compartilhando em tempo real arquivos de qualquer extensão e com permissões de usuários e controle no preenchimento dos documentos, prestações de contas e registros em nuvem. 

 

A solução padronizou e otimizou os processos, seguindo o planejamento e notificando divergências entre outras automações. Permite que o fiscal da secretaria, o engenheiro/representante da contratada e o gestor do contrato estejam conectados a qualquer hora, de qualquer lugar, acompanhando e monitorando o andamento da obra. O gestor e o fiscal também podem acompanhar as medições por meio de fotos, vídeos e georreferenciamento.

 

O software possibilita que o gestor disponibilize informações para que a sociedade acompanhe os recursos públicos aplicados e fornece informações para que os fiscais possam acompanhar e monitorar o andamento de seus contratos. 

 

A premiação

 

O prêmio da Udesc tem como objetivo identificar, reconhecer e estimular práticas inovadoras que geram avanços na realização do interesse público e incentivam a participação e a troca de experiências entre servidores públicos e sociedade civil. 

 

Segundo Orlando Vieira de Castro Junior, presidente da comissão organizadora do prêmio, o tema da edição 2020 é transparência com cidadania. Entende-se como boas práticas as ações que promovem o engajamento de governantes e cidadãos na construção da transparência pública, contribuindo para facilitar processos, otimizar recursos, aprimorar o desempenho e democratizar o controle da administração pública.

 

Fonte: https://www.deolhonailha.com.br/florianopolis/noticias/digitalizacao-de-gestao-de-obras-publicas-pela-prefeitura-de-florianopolis-concorre-a-premio-de-boas.html

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *