ITBI-Online promete facilitar transferências de imóveis em Itabira.

 

A Prefeitura de Itabira lançou o sistema ITBI-Online, que busca facilitar as transferências de imóveis no município. 

 

Conforme a administração municipal, a partir desta quinta-feira (29), o contribuinte não precisará mais se dirigir à Prefeitura para efetuar a solicitação, encaminhar os documentos e retirar a guia do Imposto Sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI).

 

Tudo será possível por meio de um computador ou outro dispositivo com acesso à Internet, por meio do portal do município (www.itabira.mg.gov.br). A partir do envio de todos os documentos, a homologação da declaração ocorrerá em cinco dias.

 

O decreto para a implantação do sistema on-line foi assinado na manhã desta quarta-feira (28) pelo prefeito Ronaldo Magalhães. O chefe do Executivo recebeu no seu gabinete representantes de imobiliárias, corretoras, tabelionato e cartórios.

 

O funcionamento do sistema foi explicado pelo técnico Thiago Ferreira, da Governança Brasil, desenvolvedora de softwares para gestão pública.

 

O tributo

 

O ITBI é um tributo municipal pago quando ocorre uma transferência imobiliária, ou seja, necessário à oficialização do processo de compra e venda.

 

A Secretaria Municipal de Fazenda (SMF) se disponibilizou a oferecer treinamento aos profissionais envolvidos em caso de dúvidas sobre a funcionalidade. A plataforma foi bem recebida pelo segmento.

 

“A nossa expectativa, hoje, foi superada. É um marco histórico a implantação do ‘ITBI On-line’, o que nos ajudará demais no dia a dia. Esse é o primeiro passo e de grande importância para todos nós”, avaliou Imaculada Maria Ribeiro França, titular do Tabelionato do 2º Ofício de Notas de Itabira.

 

O ITBI arrecadou, em 2018, R$ 3,3 milhões, segundo informou a SMF. Em comparativo, a arrecadação representa um quarto do que foi recolhido com o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) no ano passado – em torno de R$ 13 milhões.  “É um importante imposto para o custeio do Município”, frisou Marcos Alvarenga Duarte, secretário de Fazenda.

 

Desburocratização

 

Segundo o prefeito Ronaldo Magalhães, o ITBI On-line é mais uma medida para desburocratizar os procedimentos da Administração Pública. A Prefeitura, em sua gestão, já implantou novo sistema de nota fiscal eletrônica; o “Alvará Web”, para concessão de licença às atividades comerciais e de serviços; o acesso à guia do IPTU pela Internet; entre outras ferramentas.

 

“O ITBI online facilitará a vida das pessoas que procuram o serviço, com um grande ganho de tempo. Temos modernizando os processos da Prefeitura para tornar mais ágil, eficiente e eficaz o atendimento ao contribuite”, frisou o prefeito de Itabira.

 

O Decreto Municipal 2.665/2019, que trata do assunto, deverá ser publicado nesta quinta-feira no Diário Oficial do Município.

 

Fonte: Defatoonline.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *